NOSSAS NOTÍCIAS

9 milhões de clientes da EasyJet tiveram dados roubados no último incidente de violação de segurança

easyjet

Cerca de 9 milhões de clientes da easyJet tiveram seus dados vazados em um ‘sofisticado’ ataque cibernético, anunciou a companhia aérea.

Endereços de e-mail e informações de viagens foram roubados por criminosos cibernéticos e mais de 2.200 clientes também tiveram suas informações de cartões de crédito e de débito ‘acessadas’, incluindo números CVV.

O Escritório do Comissário de Informações (ICO)

A easyJet informou ao Escritório do Comissário de Informações (ICO) do Reino Unido em janeiro de 2020, e eles estão, no momento, investigando o vazamento. Apenas depois de quatro meses do ocorrido, a easyJet informou seus clientes.

“As pessoas têm o direito de esperar que organizações lidarão com suas informações pessoais com segurança e de forma responsável. Quando isto não acontece, nós investigaremos e tomaremos medidas sólidas quando necessário”, um porta-voz do ICO disse à BBC.

Para justificar o decurso de tempo que levaram para informar os clientes, a easyJet disse à BBC: “Esse foi um hacker altamente sofisticado. Levou-se tempo para entender o objetivo do ataque e para identificar quem havia sido afetado.”

“Nós somente poderíamos informar as pessoas quando a investigação tivesse progredido o suficiente para que pudéssemos identificar se quaisquer indivíduos haviam sido afetados e, então, quem havia sido impactado e quais informações haviam sido acessadas.”

Por que o ataque aconteceu?

Não foram divulgadas informações sobre a natureza do ataque, os motivos, ou a razão pela qual as medidas de segurança da easyJet não o impediram. Foi sugerido que os hackers tinham como alvo a ‘propriedade intelectual da empresa’, ao invés de informações que poderiam ser utilizadas em furto de identidade, mas nenhuma prova foi fornecida de modo a corroborar essa alegação.

“Nós estamos aconselhando que os clientes sejam cautelosos diante de quaisquer comunicações que possam vir da easyJet ou da easyJet Holidays”, advertiu.

O ICO advertiu que os clientes da easyJet sejam extremamente cautelosos quanto aos ataques phishing durante esse período de investigação.

Os efeitos do vazamento de dados

Informações pessoais podem ser usadas por criminosos cibernéticos para acessar contas bancárias, abrir novas contas e fazer empréstimos no nome das vítimas. Eles também podem usar suas informações para realizar compras fraudulentas ou vendê-las para outros criminosos.

É o momento de responsabilizar grandes empresas pelo descuido com suas informações pessoais.

Se você acha que está envolvido no Vazamento de Dados de 2020 da easyJet, acesse o site www.theeasyjetclaim.com para checar sua elegibilidade e inscreva-se em menos de um minuto.

ÚTLIMAS NOTÍCIAS

PGMBM (nome comercial de Excello Law (2) Limited)
SRA License Number 512898

A Excello Law é licenciada e regulamentada pela Solicitors Regulation Authority (SRA) e cumpre com seu Código de Conduta, cuja cópia pode ser encontrada aqui.

PGMBM (nome comercial de PGMGM Law Limited) SRA License Number 512898

PGMBM é licenciada e regulamentada pela Solicitors Regulation Authority (SRA) e cumpre com seu Código de Conduta, cuja cópia pode ser encontrada aqui.